sexta-feira, 26 de fevereiro de 2016

Que Louco !



Oi, mais uma vez você está aqui, ou pela primeira vez esta lendo uma coisa nesse Blog. Obrigado.
Sabe, pode ser que você saiba da existência desse conteúdo porem nunca tinha parado para dar uma lida, ou ver o que se passa por aqui, Você também seja bem vindo (a).


A internet te dá essa oportunidade, de estar sozinho porem conectado ao mundo inteiro.
As vezes tem um texto que você se enxerga nele, e até te faz pensar, poxa. Tem alguém que pensa igual eu. Tem um que já fez aquilo que pretendo fazer. 
Pois é, somos assim. 
Viajamos sem sair do lugar, as vezes no lugar que mais ficamos, é o melhor lugar pra realizar viagens. No meu caso,o meu quarto Aqui estamos eu e você;  Eu com as palavras, e você com a leitura e também com a oportunidade de ver alguém fazendo algo. 
Um mês atrás, ninguém, ninguém mesmo poderia imaginar. Ciro Tavares está escrevendo. 

Não vou dizer  nem deixar de escrever que Eu também não pensava nisso. Pois aqui estou. 
Com a certeza de que podemos fazer o inimaginável, se quisermos. Podemos e devemos.

Devemos escrever, devemos ler, caminhar, correr, jogar peteca, fazer pintura, trico, bordado, comprar um cachorro, ver vídeos, e também vídeos aula, porque não ? Fazer faculdade, terminar a oitava série, o ensino médio, valorizar seus parceiros, os amigos de verdade, entrar pra academia, sair do serviço, começa sua carreira, entrar pro estágio, ir ver um jogo do seu time, mandar uma carta escrita a próprio punho, e enviar para a sua prima, para sua tia, o irmão que ta longe. Nossa !  

Da pra fazer muita coisa, mas você ai que ta lendo tem que fazer. Tem não.
Na verdade deve despertar a vontade em você, a vontade do querer fazer o que sempre quis, mas não teve coragem, ou não criou a tal vontade.

Parei pra pensar o quão cada um de nós é único. É verdade, exemplifico: nem todos os amigos que eu tenho você tem, as vezes as mães são as mesmas, mas os irmão são diferente. Acontece. Você teve pai outros não, alguns tem sorte, você se diz ter azar, tomara você ser o da sorte neste caso.

Mas veja que louco, a sorte pode não existir, ela pode ser realizada, quem sabe ? Você começa a fazer diferente, tomar a atitude de melhorar, e de "algum modo" as coisa começam a acontecer. Vai dando certo, a sorte começa a "aparecer", o "universo"(chame como quiser) te manda oportunidades. Existem alguns que são únicos também que dizem  - "As oportunidades sempre estão te rondando, é você que não enxerga". Logo não está sendo um bom observador. 
Eu concordo com eles. E estamos de olho.

Estes que eu concordo são os empreendedores, aqueles que vê a oportunidade, e criam a sua própria sorte. É a minha ideia hoje, enxergar as oportunidades logo mais. 
Por isso estou no estudo, nas palestras, os vídeos no Youtube que tenho visto, as páginas seguidas no Facebook.
Se você tem contato comigo, você deve começar a perceber em breve que tem alguma coisa mudada, - Ciro ta um pouco diferente, agora aceita mais opinião, da sua opinião como sempre, continua cabeça dura, mas ta entrando em uma onda boa.
Digo isso porque eu vejo que estou bem melhor, estou bem, estou ótimo ! 
Não é segredo, ou pode sim ser "O Segredo", o vídeo que já indiquei lá na Página
Emitir energia boa, acaba atraindo, e compartilhando ela com quem tá perto, quem procura a mesma vibração. 


Nossa que louco mesmo ta esse texto. 
Eu deveria ter colocado lá no começo do texto pra você ler ele em um momento suave, e de boa, pra entrar aqui.

Estou no quarto escrevendo, esse agora é o melhor lugar, pode ser que mude um dia, mas é no quarto que tenho escrito, tenho lido, e até gravei um vídeo.
Vai estar postado no YouTube neste Domingo. 26/02/2016.
Tá ai mais uma coisa que não imaginei fazer. Gravar vídeo para o Youtube.
 Já mencionei com alguns a vontade, mas não era uma certeza que iria fazer. Fiz, saiu; é eu e o Brunão, ficou bacana demais ! Capaz de você ver.

Confesso que ele parece ter ficado grande, tem quase 8 minutos( quase 10 na verdade). Pensei em cortar, em tirar algumas coisa, mas pra te falar a verdade, tinha era mais coisa pra colocar ! 
Mas tudo tudo bem, se você leu até aqui, então ta mesmo na onda, ta sabendo que aqui ta massa, que podemos ir mais, e compartilhar tudo.  Faremos mais vídeos !

O compartilhar te ajuda a se manter focado, a querer fazer. Vem tanta coisa na cabeça que poderia fazer, que você se perde Mas, da pra fazer igual comecei a escrever, peguei e comecei; e aqui está mais um texto escrito. Número 5. 
Se eu fiz, porque não todos? Fazer.
 Faça o que você quiser, é só começar que daqui um tempo você vai olhar onde está, vai se perceber dentro do mesmo quarto. Porem com a satisfação de ter realizado algo. Seja com qualquer coisa, mas estará realizado. 
Coisas simples são as que mais lhe dão satisfação de ter feito. Igual escrever, é para mim.

Aproveite sua vida, faça o que tiver de fazer, no tempo que dispuser, onde estiver.

Passa pra frente.

Facebook Ciro Tavares

quarta-feira, 24 de fevereiro de 2016

Mudanças e Costumes.

Tias, vós e mães do sofá... Voltei! To algum tempo sem escrever sozinho aqui, eu acho. Finalmente arrumei um tempo e to aqui compartilhando esse texto para vocês botarem os neurônios para funcionar e ter uma boa leitura.
                                                               

Então, sábado  passado eu tava vendo séries e recebo uma notificação no Twitter. Era uma amiga minha: Ana Paula! Me chamando para caminhar de manhã na Pitangui. Aceitei, óbvio! Cinco minutos depois recebo um SMS de outra amiga: Nathalia, que fez faculdade comigo. Ela tava me chamando para caminhar na Pitangui também. Alias, para quem não mora aqui eu vou explicar o que é a famosa ''Pitangui'': Ela é uma pista de cooper bem grandinha e sai de um bairro e vai parar no asfalto, rodovia ou seja lá o que todo mundo chama. No final tem um clube encostado e ao lado, onde terminamos de correr tem um bebedouro e um ferros para se alongar. Esclarecidos? Espero que sim...

Voltando ao assunto. Era horário de verão e eu sai de casa, peguei o ônibus(5:30) e ainda estava escuro. Cheguei no centro da cidade: 6:00. Fiquei esperando a Nathalia no ponto indicado(ainda estava escuro) e dali fiquei refletindo algumas coisas. ''Caramba, em que mundo eu ia acordar com o céu escuro ainda e iria caminhar assim. Longe, bem longe da minha casa?'' E fiquei o resto do sábado pensando isso e tava com a ideia de escrever sobre: Mudanças e Costumes!

Isso é tão, tão... Maluco? Tipo, um ano atrás eu não me imaginava fazendo isso o que eu to fazendo hoje. Em que MUNDO eu iria me imaginar, saindo 3:00 da tarde de um Domingo, sol de rachar mamona e ir caminhar no Parque da Ilha(um parque ecológico eu acho, que tem lugar pra caminhar, parquinho e pista de Skate). Ou saindo de madrugada para ir tal luxar X. Na boa, eu to surpreso comigo mesmo.

Alias, Domingo fui na casa do Ciro. Sim, aquele que escrevi aqui no Blog também. Ele mora no Niterói, um bairro meio longe do meu e falam que é bem perigoso.Por causa dos ''malacos'' que ficam na ponte. Mas dizem que o bairro tem a parte ''boa'' e a ''ruim''. Para mim é tudo balela essa de rotular. Fui a pé. Meu medo MESMO foi atravessar a ponte onde ficavam os ''Malacos''. Foi traquilo! Usei o Google Maps e me perdi. Foi até engraçado. Mas usando minha ''astúcia'', como diz o Chapolim Colorado e consegui cheguei lá. E você se pergunta o por que de eu estar contando isso, não é?

Também serve para o que estou contando. Estamos fazendo um Vlog(espero sair do primeiro). Assistam! Voltando ao rumo da historia. Eu sair da minha casa em um Domingo a tarde e ir para um bairro vizinho que dizem ser ''perigoso'' é tão fora do comum. Cara, eu te digo uma coisa. Eu to mudando! To me movimentando, mudando e deixando de ter os mesmos costumes. E o Ciro também! Estamos deixando nossa zona de conforto pouco a pouco.E se eu falasse com ele pra gente fazer um Vlog ha dois anos atrás.Você acha que ele aceitaria? Não! Espero voltar lá qualquer hora. Sem ajuda de Google Maps, agora que sei o caminho, haushasasuaa. Alias, lancei o Desafio na Pagina do Chuta o Balde! Visite um amigo! Pode ser de surpresa mesmo. Vai fundo! Todo mundo anda tão sumido e sem tempo. Você tem saudades dos seus ''parças''?. Visite! Sem medo, sem neuras e sem comentar com ele ou com ninguém. Veras a reação deles! Se não tiver em casa, beleza! Pelo menos fez uma caminhada. Volte depois!                                                  

Antes de começar minha vida ''Fitness'' tinha a mania  de acordar todo dia 7:30, 8:00. Não gostava de acordar nesse horários, pois perdia um bocado do dia e como levava minha vida sedentária não conseguia acordar antes. Como trabalho para meus pais e isso gerava uma guerra infinita de brigas e discussões. Não gostava de ir cedo para trabalhar. Eles me disseram: ''Se não vier cedo, pelo menos faça exercícios! Caminhada, academia, sei lá'' Hoje acordo todos os dias 5:30. Eu pensei quando decidi sair do sedentarismo: ''Vou mudar de Costumes e fazer mudanças!'' E to conseguindo. Acordar cedo não é bicho de sete cabeças como todo mundo pensa. Existe vida nesses horários!!! Tanta gente que acorda de manhãzinha. Claro, hoje posso trabalhar numa boa de manhã. Mas não posso ficar sem ir na academia. Somente as quartas que vou trabalhar cedo e deixo os exercícios para a noite.

Sério, acordar cedo é muito melhor do que dormir até tarde. Sinto que perdi metade da minha vida deitado ali.
Acho que é isso mesmo. Aliás, outro desafio lá pagina! Mande Cartas! Sim, nosso mundo tá chato com wpp e esses aplicativos rápidos de conversa. Mande uma carta para alguém do seu próprio bairro, cidade, namorado(a), amigo ou alguém de outra cidade. Bora reviver isso tudo de novo!

Página: Chuta o Balde 2016
Siga no Twitter: @bruohtl
Instagram: brunohtl
Snapchat: brunohtlx
Perfil Pessoal: Eu

terça-feira, 23 de fevereiro de 2016

Parabéns as Mulheres !



Vou dedicar essa postagem no Blog "Chuta o Balde 2016" a todas elas que merecem nosso respeito e nossa admiração. Queria agradecer a todas aquelas que fazem e que fizeram parte, e as que ainda vão passar pela minha vida. Mulher, o ser que seria considerado como o sexo frágil, mas longe disso elas estão. Pior é que algumas não sabem de todo o potencial que tem e que acreditam realmente serem frágeis. Hoje fui a academia como venho fazendo durante a semana. Essa é uma das metas que coloquei para mim, ir para a academia e cuidar daquele que sempre me sustenta: O corpo. Exercícios dessa manhã foram: trabalhar a musculatura dos ombros e também das pernas. Pernas que as mulheres tanto malham. Pois é, um dos exercícios que mais "queima". Um dos que não consigo levantar tanto peso por dor e também por ser, as vezes, exercícios com posições desconfortáveis para nós homens. Cara, até que malhar bunda não foi tanto desconfortável (mas foi diferente). As mulheres levantam muito mais peso que os homens nesses exercícios. A mulher quer manter o corpo saudável, faz cada exercício complexo, e que convenhamos, chamam mesmo a atenção de nós homens dentro da academia. O corpo torneado e malhado fica bonito sim, fica chamativo, e fica até incontrolável o olhar. Olhamos, e elas sabem que estão sendo observadas por nós. As coroas, as novinhas: Todas as mulheres! Elas estão ali com o proposito de se sentirem bem com consigo mesma, seja esteticamente, seja por bem estar. O propósito é se sentir bem. Na terceira idade, é fundamental a prática (que cheguemos todos lá), o corpo requer mais exercícios para melhor funcionamento. Mas, que não deixa de ser importante a prática em todas as idades. Corpo em movimento é sinal de corpo saudável. Todas as mulheres que decidiram "Chutar o balde" e cuidar da sua saúde merece o aplauso de todos nós. Estão no caminho certo. Eu defendo a ideia de que a pessoa deve se amar. Então, se você se ama, com o maior amor do mundo que tem de ser (o amor próprio), não se limite, não se deixe levar por uma vida sedentária. Temos várias formas de cuidar do corpo, aquele que é o guardião da sua alma. Não somos corpo, somos uma alma que esta dentro dele. O corpo é o nosso suporte. Cuide da sua morada. Caminhe, corra, se sinta bem! Faça os treinamentos (mesmo que complexo) que o instrutor da academia vai te passar. Fortaleça sua morada! Se sentir bem é tão bom, que você acaba transmitindo isso para as pessoas que te observam. Não é preciso falar nada, nem contar pra ninguém o que você está fazendo. É apenas você, cuidando bem de você mesmo. Não consegue fazer exercícios, não esta animada, ou pra você sua saúde já está 100 %? Comece também a tratar bem o seu interior. Se encha de cultura, aprenda a cultivar as amizades, não pense como a grande maioria. Mulher muita das vezes se veste para outra mulher, ou que mulher sempre será rival uma da outra. Se pensa isso é porque o seu ciclo de amizade não é tão legal assim. Nós homens não temos desse problema, ao menos eu e meus amigos não. Não é uma disputa, não é um jogo, apenas sabemos que a vida é para aprender e passar o conhecimento adiante. Deixamos a inveja de lado. Deixamos o mau humor de lado, tratamos bem os amigos e estamos sempre disposto a ajudar. Por isso somos parceiros de fé, de camaradagem, somos Brothers! E é assim que deve ser. Enfim, resolvi deixar esse singelo parabéns para vocês, musas inspiradoras das academias, da rua, das bibliotecas, da faculdade. A mulher é a coisa mais bela que Deus fez e colocou na Terra. Tenho certeza disso quando olho para minha mãe e vejo a maior pureza que já vi na minha vida. Nem sei como eu nasci, sendo ela uma pessoa que é virgem (que os amigos não venha zuar essa parte, né Turma da Rua). Se apaixone por você e se sinta bem, assim a vida tornará bem melhor. Se ame e seja amada!
Parabéns ao meu Avô (19/02), que conseguiu uma mulher muito massa para dar origem a minha Família. Ela já se foi, mas ele hoje completa 92 anos aqui nesse Planeta! Mais uma vez, Parabéns a todas as mulheres e parabéns Sô Delfino!

#4
Facebook Ciro Tavares
Snapchat cirotavares17, acompanhe ai !


Obrigado em especial a garota que fez edições nesse texto.

sábado, 20 de fevereiro de 2016

Desafio do Balde! #1

Oi.
Começa aqui uma história, vamos dizer que um desafio, no bom sentido como diria um dos nosso colaboradores do Blog. O que se passa sobre essa "aposta", que nos fez começar a escrever um texto em conjunto?

Seguinte.

Ele viciado no celular, desde quando nos conhecemos, o smarth parece já fazer parte do seu corpo, a mão as vezes pode ate sentir falta da digitação nesse pequeno teclado que nos adaptamos, tão fácil hoje em dia.

Então o desafio foi lançado, em um domingo a noite, uma chamada no Facebook, que dizia, 24 Horas sem colocar a mão na coisa que você mais usou nos dois anos que se passaram.
 E quantos também passam pelo mesmo, sem ver, ate eu sou garrado em Snapchat particularmente. E sei que muitos aqui também "perdem" seu tempo em algum App.

Pensei em ajuda-lo, fazendo ele observar se isso estava lhe favorecendo ou atrapalhando, no seu desempenho em atividades com a função da perca de peso.
---------------------
Cirão, deixa que eu assumo daqui, haha!
Cês tão vendo que estamos fazendo uma coisa diferente, né? Uma conectividade. Ele começa, eu tomo partido em seguida e depois ele conclui.

Bom, chega de ladainha e vamos direto ao ponto.
Então, fui pra cidade de Cajuru com o pessoal aqui de casa no Domingo. Aliás, deixei meu celular na minha casa carregando e assim fiquei "sem roupa". Fui, voltei e cheguei com o Ciro me chamando no chat do Facebook me chamando pra um desafio. "Topa ficar sem celular por 24 horas?" Topo! Falei de cara e sem pensar duas vezes. Mas como não sou bobo desafiei ele também. Mas já o desafio dele ele vem contar daqui a pouco e o que ele teve que fazer.

Bom, faltava uma hora para meia noite e fui correndo resolver o que tinha que resolver no celular. Arrumei coisas ali, aqui e dali. Botei ele pra despertar como sempre e deixei ele ao lado da cama. Esqueci dele!  Meia Noite!  Era hora de esquecer de vez.

Começava The Walking Dead, fui ver e nas partes chocantes(quase 3 meses de férias e volta com um episódio tenso. Aliás, chocante!!!). Fiquei com uma puta vontade de entrar no Twitter e ver as mensagens de espanto do pessoal. Caraí, que ansiedade! Me aguentei, passou!

Fui dormir tranquilo. Sem preocupações, sem nada. Já não converso com quase ninguém no Whats e nada me prendia. E já tinha ficado sem celular uma vez quando perdi o meu uma vez. Foi uma semana sem até comprarem um novo e por mim não ter aquilo desaparecido foi um alívio e não senti  falta. Júro!

Voltando ao presente. Acordei no outro dia, fui pra academia e foi normal. Senti uma leve falta. Senti falta naquela hora do meu Snapchat. De fazer meus registros e tal, haha. Fiz direito e na minha opinião rendeu mais. Apesar que não vi diferença desse maior rendimento.

Acabou a academia e fui pro centro comprar o cabo do carreador do meu Notebook. Fui sem ele! Não, nem para ligação eu levei ele caso precisasse. Cheguei em casa e minha mãe perguntou por que de eu não ter levado o celular. "Desafio!" Ela fingiu que entendeu e eu fingi que acreditei no que ela entendeu. 

Almocei, cochilei uns 5 minutos, acordei e fui pro centro de novo.
E novamente não levei meu celular. Fui pegar uns exames que eu tinha feito na Catedral. Cheguei, falaram que não estavam prontos e fui até ali atoa. Voltei a pé pra casa e vim mais rápido que o normal. Se estivesse com o celular teria parado inúmeras vezes para ler alguma coisa na rede sociais. E firme, forte e cansado cheguei em casa. Fui pro notebooks ver minhas séries acumuladas.

Vi 4 episódios. Detalhe: se eu tivesse com o celular parava o que estava assistindo e iria ver o que acontecia nas redes sociais. Dessa vez foi diferente e até rendeu mais. Bacana! Pensei em olhar no Twitter e Facebook pelo note. "O acordo valia só pelo celular" pensei comigo". Não! Hoje vai ser diferente! Fiquei só nas séries.

Deu 23:00, fiquei esperando dar meia noite. Não consegui! Dormi 23:30 e acordei 00:20 maia ou menos. Ciro estava me chamando falando que venci o desafio. Ae!
Pensei em fazer isso toda Segunda, sério! Só que fazendo até metade do dia. Enfim, foi isso praticamente.
Ciro, passo a bola pra ti!

________________
Bom desafio seria apenas para ele não ficar no celular, como já vi alguns comentários e parece mesmo ele ser um cara muito garrado nessa tela que fica na mão, quando acordamos quando vamos dormir e o resto dia também está la por perto.

Beleza, ele aceitou numa boa, confesso que não imaginei que iria aceitar, mas a surpresa maior foi ele me desafiar. Eu deixaria de fazer uma coisa que faço com frequência, não é uma coisa que me consome, nem que eu ficaria louco se ficasse sem, pelo contrário.

Aceitei e fiz valer também. Durante o dia poucas vezes pensei em fazer isso, mas os amigos estão de olho, foram orientados a me observar se eu estava fazendo o habito, que pelo primeiro desafio do Chuta o Balde eu não poderia praticar.

Ficaram de olho. Primeiro dia da faculdade e ja estavam os chegados na cola, pois eu consegui tambem cumprir o desafio. Isso é uma forma de ajudar a dar o primeiro chute, nem que seja de leve nesse balde.
Desafie um amigo a ficar uma hora por dia lendo, ou desafia a começar aquela corridinha que sempre falou que ia, mas nunca chegou aquela segunda-feira tão esperada.

Se ele falar não, vá com ele, o apoie, mas não vá so por obrigação, nesse caso é melhor nem dar a ideia de ajuda, pois acaba atrapalhando, vá por vontade de ajudar o próximo, vai pra ajudar você, com um parceiro é sim mais fácil realizar as atividades físicas. 
Se não encontrar alguém disposto, me chama, chama o Bruno, vamos fazer o que der pra te ajudar, podemos caminhar com você.

Bom, meu desafio foi cumprimo, foi legal em saber que quando você está "proibido" de fazeer alguma coisa, você acaba conseguindo evitar fazer mesmo.
Isso vale também pra quando você quer, então você realmente faz !
É só ter a iniciativa, as vezes o que falta pode ser isso, o primeiro passo, a primeira vontade.
Seu subconsciente as vezes já está lhe mostrando a vontade, o que é necessário, mas você insiste em não atender o pedido para começar a chutar o balde !

Estou pronto para o Desafio #2, pois é legal, vale a pena, e pode mudar nossos hábitos !

Bruno Henrique
Ciro Tavares

Chuta o Balde 2016

Se você leu até aqui, ou está lendo só esse final, não colocaremos imagem, por darmos valor a leitura das palavras que escrevemos, aprendemos e queremos incentivar você com elas.

quarta-feira, 17 de fevereiro de 2016

A entrevista inversa: Karine Santos

Então, seus cabeça de Pamonha de sal. Bom dia, tarde ou noite! Seja lá qual for o horário que está lendo aqui. Sabe o que eu resolvi fazer? Uma entrevista ao contrário! Sim, você não leu errado e deve se perguntar como é uma entrevista dessa. Certo? Já explico....

Há ideia inicial é sempre entrevistar  gordinhos (as), mostrar como eles se sentem, como reagem ao Bullying e saber mais um pouco de seus sentimentos. As perguntas não foram boas (na minha opinião) e saíram todas de ultima hora. Espero que gostem! Alias, Karine aceitou ser entrevistada. Um passo grande para ela sair do casulo que a prende. Alias, to convencendo ela a caminhar comigo, haha. Mas cada coisa tem seu tempo. Bora lá pro post... Partiu! Ah, nome dela é Karina Santos e é de Divinópolis

                                                               
                                                                    Karine Santos
Bruno Henrique: Hoje eu vou fazer diferente. Hoje vou mostrar o outro lado da moeda. Gente que AINDA não chegaram lá e querem perder peso : Karine Santos. Tudo bem?
Me responda uma coisa. Já sofreu algum preconceito em algum lugar por estar acima do peso?

 Karine: Oi Bruno! Tudo bem e você? Já sofri preconceitos diretos e indiretos.O mais recente foi em um salão de beleza,onde a dona não quis me atender por medo de eu quebrar o lavatório do salão.

 Bruno Henrique: Me conta o que te chateia. Acha que isso te faz comer mais e mais?

Karine: Me chateia ser tratada diferente das outras pessoas.Ser olhada com pena e isso faz com que eu coma mais sim.
Bruno Henrique: Você acha que é mais complicado fazer amigos estando acima do peso?

 Karine: No meu caso não,pq sempre fiz amigos facilmente.

Bruno Henrique: Você tem vergonha de ir em praias ou clubes?

Karine: Sim,nem me lembro a última vez que fui ao clube rsrsrs

Bruno Henrique: Você é ansiosa? Pelo sim ou pelo não o que mais te atrapalha e te faz comer bastante

Karine: Muito ansiosa.Quando sinto que falta algo,eu como pra preencher o "vazio"

Bruno Henrique: SE for possível falar e se sentir confortável. Qual seu peso? Se não, você tem medo da balança?

Karine: Hoje peso 156 kg,mas já pesei 173. Não tenho mais medo da balança..

Bruno Henrique: Na escola tinha muito bullying?

Karine: Na escola tinha aqueles olhares, mas diretamente nunca aconteceu.

Bruno Henrique:  O que você acha da frase: "Sou gordinha(o) e sou feliz assim?" acredita nisso?

 Karine: A questão é empoderamento.Acredito que pode ter gordo(a) feliz,mas não é meu caso!

Bruno Henrique: 9: Você já tentou fazer algum regime alguma vez?
 
Karine: Sim
Bruno Henrique:  Pra finalizar. Mande um recado para quem está nessa luta emagrecimento.

 Karine:  Se querem emagrecer,façam isso por você e por mais ninguém.O primeiro passo é se aceitarem como são hoje e se continuar com vontade de emagrecer,continue! Pq o erro que mais cometemos é esse de acharmos que emagrecer vai mudar a vida e a estima.
Se não se aceitam como são,vão continuar achando defeitos quando emagrecerem...
Façam por vocês!

Facebook de Karina: Clique Aqui
Twitter: brunohtl
Snapchat: brunohtlx
Instagram: brunohtl
Página do Chuta o Balde: Aqui

terça-feira, 16 de fevereiro de 2016

A responsabilidade dos 13

Férias acabaram, todo mundo voltando no batente e alguns  voltando pra faculdade com a cara até inchada de gorda de tanto comer. Não é mesmo? Então, bora tratar isso de uma vez!
Mudando de assunto e não saindo do foco da comida vou contar um "causo" para vocês. Vai ser em partes, eu acho. Até  por que,  quero falar ou melhor, escrever muito hoje!                      

Sexta feira passada durante uma aula de Zumba, uma moça veio me falar que eu estava indo bem, me elogiou muito e tal. Ela me contou que tem um sobrinho de 13 anos, que tava passando dos 100 quilos, tava bem gordo e a mãe dele já levou em todos psicólogos e nutricionistas que ela conhecia. Até lembrei de mim(hauahahaha). 

E olha que também fui em todos nutricionistas possíveis. Hoje minha mãe lembra pra quem quiser ouvir: "O que eu gastei com esse menino com nutricionista..." 

Falei pra ela o seguinte, um conselho de quem está tentando deixar de ser gordo e já rodou igual prostituta na chuva barata tonta, vários lugares que poderiam me ajudar na perca de peso. Disse: "NÃO AJUDA!!! Não ajuda mesmo seu sobrinho! Pode vir tarde, mas vai chegar o dia que ele vai mudar sozinho"

Sim, parece confuso e contraditório no que eu sempre falo aqui no Blog, vida real ou Snap e tal. "Ajude quem quer ser ajudado, ajude o próximo e tal, tal". O problema é muito maior do que se pensa. E criança NÃO tem maturidade para ver o problema que carrega em si. Você pode dar conselho aqui e ali.

Ou tem? Posso estar errado. O que eu to fazendo hoje para perder peso, não daria conta de fazer com treze anos de idade... Acho que eu não teria a maturidade que eu tenho hoje de pensar no que pode e não pode. Comer ou não comer. Andar ou ficar parado. Eis a questão!

Mas por outro lado crianças de 13 anos de hoje em dia tão bem mais espertas, saindo mais e soltas nesse mundo de meu deus. Chegando em casa as 5 da manhã do sábado para Domingo. Enquanto eu:  Com 13 anos tava brincando de Power Rangers e nem sabia sair de casa direito....

É complicado falar isso, sabe? Envolve muita coisa. Emocional, motivos e por aí vai... Só não podemos forçar a ninguém a nada! Entenderam: NADA! Tudo tem sua hora e seu momento. Mas se você conhecer alguém que queira fazer uma dieta. Incentive! Mas nada sob pressão. Esteja ali, do lado dela sempre incentivando. Mesmo que comece na Segunda e termine no outro dia ou no próprio dia. Fale: "Normal, oportunidades tão sempre batendo na porta, se não foi hoje pode ser amanhã ou depois..."

Quer uma dica valiosa? Comece uma dieta na Quinta. Verás que é diferente e funciona melhor que numa segunda feira...

Segue lá no Twitter; brunohtl
Snapchat para me acompanhar minhas aventuras: brunohtlx
Facebook: Chuta o Balde

sábado, 13 de fevereiro de 2016

Vem pra viagem !

Chutar o balde, pra quem ainda não entrou na nova formar de agir, de ter ação, para fazer o que quiser; Na verdade o que sempre quis fazer mas faltou um empurrão, um puxão de orelha, um tapa na cara, pra te alertar, te trazer pro real, e te mostrar que ta na hora, é agora: 2016.
 Estamos ai, pra incentivar e nos dar de exemplo, que estamos na luta !
Saímos do comodismo, perdemos 20 quilos, lemos mais de 15 livros, fazemos e entendemos de dieta, chutamos o trampo, e vamos agora fazer o que sempre quisemos !
Sim, digo "nós" pois já somos uma família como qualquer outra, aquela que apoia, puxa a orelha, da a ideia que precisava, ta junto pra incentivar, pra encher o saco, mas se mantendo família. Tudo isso para chegarmos onde todo ser humano quer ter chegado, e que faz nos lembrar de um professor muito massa. Chegarmos a "satisfação", ao bem estar com o corpo, com a mente, com a vida que temos, teremos do jeito que quisermos, e fizermos para acontecer !





Eu sou o cara da Leitura, estudo vários temas, trabalho pela internet.
O Brunao é o menos 20 quilos, ele no peso eu na leitura, ele leitor e eu nada com o corpo. Já estava acomodado, pensei porque não fazer o bem pra quem sempre vai me carregar, vai estar comigo o tempo todo. Pois somos alma, o corpo sim é nossa melhor morada, então a fachada tem que estar bem, e o interior melhor ainda, procurando saúde; - bom da ideia, porem sem tratar o corpo.
Entrei pra academia, quinta feira, após quarta de cinza, depois do carnaval, pra muitos o ano começou agora, fomos por essa.
Tomei leite e fui pro primeiro dia, morri ! Morri, pois leite antes de exercício não é recomendado, pela fermentação no estomago. Digamos que eu não sabia sobre isso, pois é, pensa, primeiro dia já passei quase mal, já fiquei dolorido, alem de ter de ir as 07:00 da manhã, acordar cedo, é brabo.
Porem no texto anteriormente #3 eu iria acordar cedo, estou indo, acordando cedo, e agora faço academia pela manhã.
Faço assim, ontem fui, passei mal. Hoje fui, foi tudo de boa, sem leite, rolou foi suco de limão, é ótimo, e suco é indicado antes do treino.
Hoje estava na conversa com meu parceiro de treino, Douglas Souza, Brother.
Fizemos o treino, chega um cara, digamos com uma certa deficiência, nos membros inferiores, nas pernas, que lhe dificulta o andado, e lhe da a necessidade de usar uma bengala para apoio. O cara esta lá na academia cedo, esta fazendo seus exercício, sem parar, com foco, sem desculpa, sem se fazer de vitima ou usar a "falta" de tempo, de dinheiro, (correr é de graça, e na pista tem água de graça). Nos vemos exemplos de caras que teria de tudo para reclamar, falar que não vai, mas estão lá.

Hoje os músculos parecem que travaram, ta complicado esticar os braços, coçar as costa ta impossível, dizem que é normal, e me alertaram sobre isso, alguns desanimam por ai. Mas é bacana saber que seu músculo esta respondendo ao estimulo empregado por puxar a barra do aparelho para exercitá-lo, levantar ferro de oito quilos, eles vibram e parecem empolgamos pois estão sendo lembrados. O corpo inteiro vibra, os músculos comemoram, parecem que entenderam que agora vai ser diferente, eles iram se acostumar a ser bem tratados, pois eu me valorizo, dou valor neles e vamos juntos acordar cedo e  trabalhar, tanto ele quanto a mente.
Mente, essa é uma dais coisas mais massa da vida de se ler e estudar. Tenho certeza que quem ta na área de mente, de tratar e precisar usar ela, de algum modo irá concordar comigo, se não concordar é porque falta estudar um pouco mais sobre o que você faz.


Se trate bem, se interiorize, pense você com você mesmo, com esse EU que esta ai na sua cabeça, essa voz que tem ai, é você.
Durma as oito horas recomendadas, tem outros dias que rola dar um virote e tal, mas se cuide par aguentar o virote que seja.
Tenha uma saúde boa, ela sim vai fazer a diferença lá na frente, tipo com 80 anos queremos estar bem, e ter a certeza que vivemos pra caramba.
 Exercício, quaisquer que seja ele, é beneficio pra você, faça um, jogue futebol, peteca, as vezes tem o vôlei, porque não ? As lutas, a arte da luta é bacana, revigora o corpo. Volte a andar de bicicleta, olha ai ! Essa nunca se esquece !

Tem uma galera ai perdendo mais peso que o Bruno, tem gente perdendo menos, mas estão querendo perder e fazendo o que podem para isso. Tudo no seu tempo, o que não pode é acomodar, tem que chutar o balde, tem que fazer alguma coisa. Hidrate-se, hidrate-se pois a água é a coisa mais gostosa que existe, e não tem gosto. Faz falta, tá em falta, e somos do planeta azul por causa dela. Aproveite enquanto tem, se é que vai acabar, tenho minhas duvidas.

Agora finalizo a viagem que começamos, hoje é um dia bom, tem tudo pra ser, mas amanhã tem a nova chance, o novo nascer do sol. Esse é outro que tem de ser contemplado ! Não deixe que amanhã, aquela musica do titãs faça sentido para sua vida, devia ter visto o sol se por. Cara ele ta ali, sobe ai pra algum lugar e vê, da um tempo no que ta fazendo e sinta-se em paz !

*essa do Sol foi mesmo viagem, eu ia mesmo parar ali em cima.
Obrigado.
Parabéns aos que se movem ! Todos !
#4
Facebook Ciro Tavares (Cirex)
snaps no Snapchat : cirotavares17
Curta a Página Chuta o Balde 2016

sexta-feira, 12 de fevereiro de 2016

O hospital do vizinho é o mais verde

Então, dessa vez eu dei uma demorada pra postar algo, né não? Foi culpa do colapso de ideias. Na verdade eu tinha muitas e sem jeito de como bota-las no papel... Ou séria no bloco de notas? Enfim, espero que todo mundo estejam bem e tenha chutado muito o balde(lembre-se: #chutaobalde2016) e tenham sido conscientes nesse carnaval....

Vamos direto ao assunto de Hoje: Hospitais. Ê lugarzinho desagradável.... E olha que já fui muito nisso. Já fui como paciente ou por vó, pai ou mãe. É realmente estressante. Acho que já contei um pedaço aqui sobre de ficar internado e tal, né? Pelo sim ou pelo não conto detalhe por detalhe como aconteceu. Bora lá!

                                                           Em algum mês de 2012           
                                
                 

Então, eu pesava 133 como todo mundo tá cansado de saber e começa a sentir fortes dores de cabeça e meus pés e mãos esfriaram demais. É foda! Você sentir as coisas, não querer depender de  ninguém e sabe que vai atrapalhar/preocupar seus pais, irmão e etc.
Contei e fui pro São Judas(Hospital no cento da cidade). Pressão tava 23 por alguma coisa. Me deram remédio para pressão, deitei e fiquei ali esperando. Lembro que entrei era umas 5 horas da tarde e lembro bem daquele dia. O médico voltou, mediu de novo e já tava em 24. Minha cabeça não parava de doer... E detalhe: Tava fácil, fácil de me dar um infarte ali e agora.
Decidiram me internar. Lembro como se fosse ontem! Dei uma última olhada na rua e já tava acabando de escurecer. 7 horas mais ou menos. Sabe aquela sensação de: "Vou levar xingo demais daqui a pouco". Ledo engano! Acho(acho não, tenho certeza!) que minha mãe foi bem compreensiva e meu irmão prestativo(ele pode ser chato, como todo irmão, mas ele ficou comigo do primeiro dia ao último!). Isso, meu irmão ficou comigo lá. Entrei numa segunda e sai de lá num Sábado a tarde, depois do almoço, mais precisamente...
E vou dizer uma verdade. A comida de lá não é ruim. Juro! As comidas de Hospitais, na minha época que fiquei por lá eram gostosas. Lembro de alguém falar uma vez que a comida do acompanhante era bem ruim. Hauahahaha. Foi uma experiência tensa e tranquila. Sai de lá com 5 quilos a menos, 128. Onde estacionei o peso...
Depois disso minha mãe me levou em um Cardiologista. Ela me xingou TANTO, mas TANTO. Você acha que eu escutei? Depois que saímos de lá disse pra ela: " Escutei nem metade da metade" rimos, apanhei....
 E sobre gastar com nutricionistas... Foram muitos! Mas isso é assunto pra outro post.

                                                                      Dezembro de 2014                                 

O ano foi decisões e considero esse ano como: "1 ano em dois". Como eu iria entrar na faculdade naquele ano eu queria tentar perder peso e chegar "fininho" na Faculdade. Perdi 20, sim foram duas vezes. 2014 e 2016, mas sobre perda de peso é um assunto pra outro post específico.
Aconteceram tantas coisas de Junho pra baixo que eu não consegui me controlar e eu resolvi comer o triplicado. E fico fulo, hoje em dia quando me dizem: "Agora que você chegou nos 20 de novo não desiste atoa". Gente, eu não desisti atoa ou por preguiça da primeira vez. Eu tinha MOTIVOS. Não quero contar de novo sobre isso e passei coisas tensas que me abalaram e tal.
Enfim, na semana do ano novo. Imagina o que aconteceu foi numa terça e o ano novo era no Domingo pra segunda. Imaginou? Então, fui parar no Hospital de novo. Minha pressão estava em 20 e fiquei lá de repouso na salinha enquanto esperava. Era para eu ter passado o ano NOVO internado no Hospital... Imagina isso!
E foi aí que a  sorte "sorriu" pra mim. Não tinha vagas! Fiquei feliz! Aliás, se não fosse a semana do Ano Novo ficaria tranquilo. Mas né? É tenso!
Ano atual
Hoje em dia vou mais no Hospital acompanhado e raramente sou o que vou sofrer na máquina de deitar, hauahahaha. 

Enfim, eu acho que é isso. Até a Próxima!  
Ah, voltando aqui pra dizer: Me segue lá nas redes sociais?

Se gostar de Snapchat vai ser uma boa pedida: brunohtlx 
Já o Twitter vai ser daora ser seguido por você: @brunohtl
Curte lá a pagina do Chuta o Balde: Clique Aqui

segunda-feira, 8 de fevereiro de 2016

Vamos Beber?

Iaeee jovens da terceira galáxia mundial. Tudo bem com vocês? Se não estiverem, tratem de estar. E se estiverem,vá ver o filme do Pelé...Piada velha essa, não? Tenho que achar piadas novas, haha. Enquanto não acho uma nova, venho falar sobre a cerveja na minha vida. Vamos beber? Partiu!                                                       
Quem me dera, meus amigos. Quem me dera se eu pudesse beber. Alias, poder eu posso. Mas garanto que ninguém vai me olhar no Hospital  depois. Você deve estar pensando: ''Nossa, que drama mimimi'' Vou esclarecer isso tudo para vocês. Eu tomo remédios para Glicose, sim eu tenho Diabetes. E para Pressão Alta. Sim, é uma bosta. covardia eu beber tanto remédio e não poder beber, você pensou. Ah, pra te falar a verdade nem tanto. Gente, isso é um post com tanto conteúdo que as vezes vou parar, como fiz agora e lembrar das ''tr3ta'', calma lá!

Como muitos sabem já fui parar no Hospital e tudo. Mas isso é assunto para outro dia. Merece destaque, mas voltemos ao foco. Se eu começasse a beber, os remédios poderiam entrar em colapso e dar uma merda, confusão bem grande... E entra aquela velha historia de dar trabalho não só para mim e também para os outros. Odeio ir pro Hospital e ficar sendo cuidado lá e ia odiar mais ainda. Infelizmente, tenho responsabilidade(queria ter menos) e sei do meu limite. Queria MUITO beber, ficar tonto e ter historia. Massss as coisas não são como são.

*Pausa de 5 minutos* Um post interessante, que não chegou nem na metade. Da próxima lembrar de ir anotando os pontos principais em um bloquinho.*Fim da Pausa*
         

Onde eu parei? Esqueci, mas vamos para outro ponto. Alias, não vou ser hipócrita e dizer: ''Nunca bebi hahah''. Mentira! Já sim. Na verdade nem se pode considerar de fato.Se for lembrar: 5 vezes e olha lá. Molhando o bico ou tomando um copo ou meio. 

Lembro quando comecei a fazer faculdade: ''Vou beber todas, nu!'' Jovem leitores, não é assim que funciona! Seja você, unicamente você. Não bebi todas, pra falar a verdade nem meio copo eu cheguei a beber. Já cheguei falando que não bebo.Voltando ao presente, o dia que o medico me liberar dos remédios, quero tomar. Serio! Queria sentar, beber e sem me preocupar com os remédios que tomo. Alias, na primeira vez que eu emagreci muito chegou a tira-los.1 mês mais ou menos. Voltei a beber eles... Extravagâncias e falta de controle na comida! Se tirassem hoje, tenho clareza que sei me controlar melhor com a comida e me sairia bem.

Alias, voltando na bebida. Muita gente olha pra ti com uma cara de ''Olha um alien'' ou nem chama para certas coisas por que: ''Mimimi ele não bebe, pra que chamar''. Fico fulo quando falam isso. Você não precisa se divertir bebendo, tem as conversas que você pode ter bebendo um suco,agua ou nada, horas! Alias, vejo muitas pessoas dizerem que bebem pra ficar tontas e que o gosto da cerveja é ruim e acaba se acostumando.Uai, tendi não. 

Enfim, é isso resumidamente que eu queria contar e eis o motivo do por que eu não bebo. Vontade se tem. Mas a consiencia fala mais alto. To caminhando pro caminho certo do emagrecimento e com isso as doenças vão sumir, remédios também e quem sabe uma rodada de chopp não rola no fim do ano. Inté!

Twitter: Segue Lá!
Facebook pessoal:To aqui
Página do Chuta o Balde: Chuta o Balde 2016
Snapchat: brunohtlx


 






 

domingo, 7 de fevereiro de 2016

Agir, modificar e chutar


Então, passando aqui rapidão, dizer um oi e postando uma reportagem bem interessante que tem um pouco de ''Chutar o Balde''. Detalhe: To fazendo meu post e provavelmente vai ser postado amanhã. Aguardem!



Quem: Iara e Eduardo Xavier

Felicidade é: “Amar tudo e todos. Para nós, não existe uma vida totalmente feliz ou totalmente infeliz. Existem momentos de felicidade.”

“Cansamos de ouvir notícias ruins.” Essa é a justificativa do casal Iara e Eduardo Xavier, 32 e 45 anos, para vender um apartamento e outros bens materiais, colocar itens essenciais no bagageiro do carro e sair pelo Brasil em busca de notícias boas. O plano começou em 2011 e continua até 2015. O planejamento acaba aí. “Acreditávamos que, se planejássemos muito, não iríamos sair nunca”, justifica Iara. Até agora, o casal já percorreu 180.160km, visitou 24 estados e catalogou 832 projetos.

A sensação de não contribuir com algo concreto para o mundo os incomodava. Manter as contas em dia, a casa limpa e as roupas lavadas os entorpecia: o que é felicidade? O que fazer para proporcionar felicidade aos que estão por perto? No site oficial do projeto Caçadores de Bons Exemplos, os dois dão a resposta: “Conhecendo e convivendo com pessoas que pararam de olhar para o próprio umbigo e pensam no coletivo”.

Ninguém entendeu a proposta de início. “Como poderíamos vender tudo o que tínhamos e viver na estrada?”. A viagem começou por Minas Gerais. A ideia é passar por todos os estados brasileiros para, depois, seguir para o exterior. O objetivo é juntar tudo em um livro, que será distribuído gratuitamente em escolas públicas brasileiras. “Enquanto isso, vamos distribuindo todas essas informações no site e nas redes sociais.”

Quem aponta os bons exemplos são os moradores das cidades que o casal visita. Uma vez no destino, os dois se guiam pelas indicações dos nativos até encontrar um ou mais projetos que incentivem boas ações. De vez em quando, conseguem pouso em casas de famílias. Na maioria das vezes, dormem em uma barraca automotiva montada no teto do carro. Não há rotinas. Hoje, os dois se consideram mais felizes do que quando tinham endereço fixo. Além da nova visão de mundo, desprovida de tanto consumismo, eles contam que aprenderam a viver um dia de cada vez. “Simplesmente vivemos e encontramos a felicidade em pequenas coisas e nos momentos”, filosofa Iara.

Fonte: Site Uai

sábado, 6 de fevereiro de 2016

Afinal é Carnaval !




Dizem que a vontade de escrever aparece do nada, e os dedos começam a saltitar nas teclas para aparecer letras que formam palavras e assim está aqui mais um texto meu.

Hoje, sexta-feira de carnaval, é claro que iria arrumar algum rolê por ai, quem sabe beber, jogar conversa fora, ou agregar algum conhecimento com papo cabeça com um amigo, colega ou desconhecido. A todo tempo a vida te da essas coisas, para crescer, aprender ou lhe mostra uma nova forma de observar as coisa.
 Pois é isso, não sai, não dei um rolê, fui fazer o que fiz três vezes essa semana, assistir uma palestra na casa do André, é aquele que mencionei que me emprestou o Livro  "Os Segredos da Mente Milionária" de T. Harv Eker (que começarei a ler pela segunda vez, primeiro que farei isso).

Essas palestras são bastantes legais, e hoje o Professor que fez sua palestra era "Jack Canfield" , ele aparece no vídeo documentário "O Segredo" que postei na nossa Página Chuta o Balde 2016 ( no YouTube você acha fácil). 
Você pode se interessar em ver vídeos dele, é so colocar o nome dele no Google, que verá muita coisa, seus Livros, que foram vendidos milhares de cópias e tudo mais, novamente Jack Canfield !

Em uma parte da sua palestra ele fala sobre uma experiencia da NASA com os caras que eram candidatos a irem ao espaço para uma missão. Deram a eles um óculos que tinham as lentes de forma côncava que fazia eles verem o mundo de cabeça para baixo. Para não enjoarem no espaço, e se adaptarem a isso e tal. Até ai tudo bem.
Mas ele explica que entre 25-30 dias, os Cientistas da NASA descobriram que o cérebro deles faziam eles enxergar a imagem correta.

Com esse resultado pode então saber que você demora entre 25-30 dias para se adaptar a algo novo, seja exercício, pensamento, rotina, sentimento. O seu e o cérebro de todos, é capaz de fazer isso, de se adaptar.
Com isso hoje, sábado as 01:14, meu relógio está marcando essa hora de sábado de Carnaval. Irei começar a acordar cedo durante o prazo de 30 dias, para me acostumar a levantar cedo que é uma das maiores dificuldades que tenho no momento.
Você precisa fazer algo assim ? Já pensou em começar a caminhar durante 30 dias, todos os dias ? Quem pratica um esporte se diz viciado depois de um prazo de tempo, e quem sabe é esses trinta dias que fez mudar o seu cérebro, e começou a fazer isso, pois se adaptou.
Esse, é só mais um motivo, mais um ideia ou incentivo pra você que ainda não começou.
Jack diz que depois de 16 dias eles tiram os óculos, ficaram um dia sem usar, e depois voltaram a usar novamente, pois o cérebro demorou novamente entre 25 e 30 dias para novamente fazer eles enxergarem a imagem real e não invertida. Tem que ter a rotina, tem que ter a disciplina. Faça tês vezes por semana, mas faça.

Outro exemplo, eu nunca escrevi para nada, nem para mim, nem para alguém, digamos que uma carta ou outra já sim para minha prima, e era muito massa a sensação de quando chegava uma carta, escrita de próprio punho sem esperar e tal ( não era Maisa ? ).
 Mas hoje estou no meu terceiro texto. Não sei se está ficando bom, se está chato, mas você que leu até aqui, pega um livro do tema que você gosta, veja um vídeo no YouTube, movimente-se, faça alguma coisa, não aceite o que está ruim, tente mudar o que sempre quis mudar. Corta o cabelo, vire um cabeleireiro, sei lá.
Escreve para nós o que quer fazer, ou como fez. Incentive as pessoas. Mostre o que você gostou de interessante por ai, repasse.
Pensar positivo, atrai o positivo. Ação, reação. Jack Canfield fala muito bem sobre isso, se animar procure.


Então amanhã acordarei mais cedo que o normal. 
#3
Facebook Ciro Tavares
Snapchat se não tem faça um, se quiser me segue : cirotavares17

sexta-feira, 5 de fevereiro de 2016

Quase lá! - Lorraine, Jessica

Senhores e Senhoras, cheguei! Então, vim para postar uma postagem diferente. Como? Explicarei agora...
Uma leitora que tem gostando bastante da nossa  iniciativa de Chutar o Balde, ficou interessada e quis fazer um texto e perguntou se podia ser compartilhado aqui. Bacana,né? Teve atitude(gente de atitude, melhores pessoas!) e quis mostrar o seu balde chutado em um texto curioso. Talvez, quem sabe não seja de alguém próximo, como pai, irmão ou um amigo ou até ela mesma se sentindo assim no texto abaixo...
Gostou do texto dela? Quer comentar, ou fazer uma critica pra ela ou simplesmente conversar?
Add ela no Facebug: Jessica
            
Chega um dia que a gente cansa. 
É chato você ver que as pessoas usam o seu tamanho como ponto de referência. Numa roda de amigos você é sempre o gordinho, apenas o gordinho. 

"Você se lembra do 'fulano'?" 
"Qual? Aquele gordo?"

 Me diz, como não se cansar disso? As pessoas começaram a nos rotular por números em balança, passaram a nos classificar como 'o gordo', 'o pesado', 'o grande'. 

Depois de tentar agradar tanto na tentativa de compensar esse "defeito", eu e outras pessoas por aí, nos cansamos. Porque chega uma hora que ninguém quer mais ser apenas o amiguinho legal e nem quer mais agradar a ninguém. 

É nessa hora que o amor próprio volta e traz a nossa vergonha na cara, coisas que NUNCA deveríamos ter deixado ir embora. 

 Eu posso ser gordo, mas antes de tudo eu sou honesto, eu sou verdadeiro, eu tenho um bom coração e eu mereço muito mais que um convite para o churrasco na casa da sua tia, eu sei muito mais que apenas comer. 

 Agora, que eu percebi que eu mereço o melhor, eu vou lutar, suar, sentir dor e me transformar. Mas quando me virem por aí satisfeito, me usem como referência, novamente, daquilo que você nunca terão a capacidade de ser.. ........... FELIZ!

                                                    Opinião do Brunão 
Sobre a parte do Churrasco: Concordo, quando tinha festinha, saidinha em bares ou resenha ia mais para ver o pessoal do que a comida. Acho que é isso mesmo....

Inté!
Fim da conversa no bate-papo

quinta-feira, 4 de fevereiro de 2016

O preconceito do conceito

Aeee, finalmente to de volta! Meu pc ou para ser mais exato: O carregador do Pc deu piti, fiquei sem internet e assim sem postar aqui esses dias. Então, bora lá comentar alguma coisa que seja realmente relevante para você ou não.

Pois bem, tava pensando numa coisa interessante para comentar e eis que achei a coisa certa. Apertem o sintos e partiu!       
Queria falar sobre duas coisas que eu adoro fazer na academia, que são: Zumba e Aeromix! Duas atividades, que nos fazem estar em movimento a todo movimento. Claro, eu não vou falar de ~movimentar e calorias~. Pra ir direto ao assunto, vamos voltar um pouquinho no tempo e imaginar quando comecei....

Quando entrei na academia fazia Esteira ali, bicicleta aqui e ia embora. Ainda era pouco, então parti para a musculação, mesmo assim não via mudança na balança e continuava a mesma coisa. Nada mudava e tinha aquela coisa: Perdia mais massa do que gordura(alguma coisa do tipo) e passando alguns dias sempre me perguntavam: ''Faz aula aeróbica'', ''cê já fez Aeromix?'' ''Faz zumba você vai adorar!'' Todo mundo tentava me mudar de ideia e eu era bicho do mato, tinha aquele preconceito dentro da minha cabeça e pensava: -Homem não faz isso-, -vão acabar rindo de mim- e por ai foi, meus pensamentos iam igual barquinhos de papel: ''Descendo ladeira abaixo na correnteza.

Tinha dias que eu subia o salão onde acontecia e ficava observando. Minha vontade era muita e minha vontade de estar ali, mudar e fazer algo diferente era muita. e mais uma vez pensava e pensava: ''Mas eu vou acabar sendo o único homem..'' E foi assim por um bom tempo.E um dia, não me lembro qual eu pensei. ''Cansei! Vou lá!'' Vergonhosamente eu cheguei, ficava parado, lá no fundo observando tudo e na hora de fazer foi devargarzinho. E como era uma turma conhecida que moravam no bairro ficava mais fácil. Aeromix hoje em dia faz parte da minha vida e não consigo parar de fazer.



Zumba! Virou minha paixão também. E indo em outros horários de Aeromix e Zumba vi que tinha homens também. Alguns faziam com suas esposas e outros sem elas. Com o passar do tempo meu preconceito foi acabando, minha vergonha também foi sumindo. 

Alias, fiquei meio receoso de chacotas ou piadas. Balela! É tudo lenda! Pelo menos na minha frente não. Acho,por ser um ambiente família, a academia e todo mundo se conhece e não rola ''treta'. Depois fui percebendo que aquilo era essencial na minha vida e eu tinha que fazer. Se eu quisesse mudar de vida tinha que fazer os dois. Com vergonha e sem vergonha. 

Um Conselho! Não tenha preconceitos e faça. De uma chance e você vai ver que não é um bicho de sete cabeças.Una o útil ao agradável. Se escolher;- Zumba vai dançar sem parar. Se escolher Aeromix- vai dançar, deitar no chão,levantar e por fim... Não se sabe!

Enfim, #chuteobalde2016, Se mova, voce nao é um post para ficar parado. GO!

Facebook- Clique aqui
Twitter - Twitter meu
Snap: brunohtlx
Insta: brunohtl
Página do Chuta o Balde:Ali

segunda-feira, 1 de fevereiro de 2016

CHEGUEI CHEGANDO!

E AÍ SEUS: 'F O F O  D O  C A R A L H O'

Já meteram a bicuda no balde hoje?

Pode falar 'bicuda' aqui?
Você sabe o que é uma bicuda?
Bicuda existe?

Bom... qualquer coisa levem em consideração a desculpa da licença poética, HAHAHHA.

Enfim, vamos lá ...
Meu nome é Luís Fernando , mas me chamam de Nando desde os 2 anos de idade. Hoje tô com 21 anos e tô aqui pra dizer que faço parte do time que tá metendo a 'bicuda' no balde também!

Inspirado por uma conversa com esse doidão que já escreveu pra vocês, o Ciro Tavares, percebi que a monotonia estava muito presente em minha vida.

SEMPRE comentei com meus amigos o que tinha em mente, qual o próximo passo eu gostaria de tomar em relação ao tão amedrontador futuro. Mas durante essa conversa especificamente, diferente dos planos futuros, a gente falou de planos passados. É estranho né?! Mas é isso mesmo. Falamos dos planos que foram feitos todos os dias mas não realizados, sonhos que rondavam a mente enquanto acordado, mas nenhuma atitude pra fazê-los reais. Foi aí que comecei a abrir olho, perceber o tempo passando ...

Não que eu ficasse deitado o dia todo esperando as coisas aparecerem na minha frente, mas a gente sempre tem a sensação de que algo poderia estar melhor, ou ao menos ser feito de forma diferente e, quando na inércia, não fazia diferente PORRA NENHUMA.

Vou ser mais detalhista ...
Hoje eu estudo, trabalho e sou muito feliz fazendo o que faço! Amém!
Entretanto, sabe aquela famosa frase clichê: "E se hoje fosse o último dia da sua vida, você morreria feliz?", então, ela me incomodou.

PENSA LEITOR, PENSA! Você morreria feliz?

Pois é! Eu não sei se é o cagaço da senhora morte da capa preta, mas eu não morreria feliz não. Assim, cheguei a conclusão que tenho MUITO a fazer e que sou o único 100% capaz de dar o primeiro passo.

Não que você tenha que jogar tudo pra cima e começar do zero (ou talvez este seja o seu caso, não sei, quem sabe, ¯\_(ツ)_/¯ ), mas mudanças fazem parte da nossa natureza e devem ser sempre bem aceitas.

Enfim, ao invés de só pensar, planejar e sonhar, eu comecei a fazer. Não necessariamente mostro ao mundo todos os detalhes, porque vai por mim, olho gordo existe e existe pra caralho! Então faz! Do seu jeito, no seu tempo, almejando seus objetivos. E se todo dia você fizer um pouco tenho certeza que você vai alcançar o que deseja!

Assim, pra finalizar minha primeira participação aqui, deixo uma música que complementa tudo que eu disse pra vocês:



Bom galera, é isso aí!
Falar até papagaio fala, mas é a ação que leva a concretizar o que se quer!
E você, vem com a gente nessa? Bora chutar o balde?! 

Até breve seus fofo! 
Ah, e se quiserem acompanhar mais do meu passo a passo, dá um pulo lá nas redes sociais:
Facebook - Twitter - Instagram - Snapchat: luisimf